Outubro Rosa: Aprendendo a me amar e relacionar bem com meu corpo

Meu corpo, meu bem mais precioso!

Como vai, querido leitor? Já estava com saudade de nossos momentos aqui. Momentos breves, porém repletos de profundas reflexões.

Hoje, em homenagem ao mês de Outubro Rosa, essa linda campanha de conscientização sobre a importância do cuidado ao corpo e a prevenção do câncer de mama, quero me direcionar em especial às mulheres.

Vamos falar sobre algo extremamente importante: A necessidade de se estabelecer uma boa relação com nós mesmas e com nosso corpo, antes de qualquer outra coisa.

outubro-rosa-cuidar-se-e-importante

Nós, mulheres, carregamos em nossa essência, como uma marca registrada, uma propensão ao cuidar. Parece que já nascemos impregnadas por um gene que nos impele ao cuidado com o outro e com as coisas de maneira geral.

Veja também este artigo em que falo  sobre o significado da mulher para o mundo.

Nunca atendi uma mulher em meu consultório em que não se detectasse esse instinto natural de tentar resolver e cuidar de tudo e de todos.

Porém, é exatamente com base nesse lindo dom, que, muitas vezes, acabamos estragando as coisas e nos tornando um peso para nós mesmas e para os outros.

E sabe por quê?

Porque cuidamos dos outros e esquecemos de cuidar de nós!

Tornamo-nos tão afoitas em zelar de tudo que esquecemos de algo crucial para nosso sucesso nessa tarefa: cuidar primeiramente de nós mesmas. Primeiro “encher” para depois “derramar”. Porque se você somente derramar, vai chegar o momento, e não tardará, em que ficar vazia.

Vazia de quê?

Prisoner

Vazia de amor: porque amou tanto os outros e se esqueceu de amar a si mesma!

Vazia de felicidade: porque derramou tanto seu desejo de felicidade, tentando fazer os outros felizes, que não sobrou alegria para você.

Vazia de motivação: porque gastou toda sua energia com o mundo lá fora e se esqueceu que seu mundo interno também carecia de estímulos para se colocar em ação.

E, quando menos se espera, o que temos? Uma mulher desgastada, sem vida, sem forças, cansada de tudo… vazia.

E sabe o que vai acontecer com aquelas pessoas à sua volta, para as quais você tanto se doou? Você se tornará um peso para eles, pois estará estressada, cansada, mal humorada e chata.

Guarde bem isso em sua memória, querida amiga:

Encher para derramar! “A boca fala do que o coração está cheio!” E, se você estiver vazia, será vazio que você disseminará!

Cuide-se! Ame-se! Busque o que lhe faz feliz! Encha-se e… derrame-se abundantemente a todos à sua volta. Isso é ser feliz e fazer feliz.

Os tristes contaminam tudo com sua tristeza, jamais se esqueça disso. Quer fazer seu marido, seus filhos, sua família felizes? Então, comece agora, se fazendo feliz!

Athletic woman running on trackRelacione-se bem consigo mesma! Comece cuidando de seu corpo. Olhe-se no espelho, admire-se, toque-se. Sinta um profundo respeito e amor por si!

Faça check up e autoexame frequentemente. Cuide de sua alimentação, beba água, faça uma atividade física que lhe agrade.

Enfim, cuide de você e de seu corpo como sendo o bem mais precioso que lhe foi concedido. Você precisará dele, para cumprir com maestria sua nobre função de amar e cuidar sempre!

Grande abraço e até breve!

 

 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

:D :-) :( :o 8O :? 8) :lol: :x :P :oops: :cry: :evil: :twisted: :roll: :wink: :!: :?: :idea: :arrow: :| :mrgreen: