5 ERROS mais cometidos pelo casal na hora de DIALOGAR

Dialogar!
Dialogar profundamente, genuinamente!
Saber ouvir! Saber falar!
Sentir-se ouvido! Descobrir-se um bom ouvinte!
Viver a certeza de estar sendo compreendido e respeitado em seus pontos de vista, verdades e pensamentos mais íntimos e sagrados.
Conseguir ouvir toda a verdade do outro e falar sobre seus conflitos e problemas, sem que isso gere terríveis discussões que não levam a lugar algum, ou a solução alguma.
Você já se deu conta de que não consegue ter um diálogo assim em sua relação? Acredite, você não é o único…
Se deseja descobrir onde podem estar os erros e obstáculos que os impedem de conversar de forma autêntica, libertadora e transformadora, bem como compreender quais são os caminhos a seguir para que esta forma de diálogo se torne uma realidade em suas vidas, então esse artigo é para você!

casal dialogo

É incrível observar a realidade vivenciada por 100% dos casais em crise que chegam ao consultório para uma terapia: diálogo totalmente interrompido!
Não conseguem mais ouvir e compreender um ao outro e, por menor que seja a importância do assunto a ser discutido, tudo vira briga e confusão. E como tudo se transforma em problemas e ofensas graves, o casal acaba desistindo de tentar dialogar, ou, até continua tentando, mas de uma forma onde nenhum resultado positivo é alcançado e a comunicação saudável permanece inexistente.
Sempre digo que o principal objetivo da terapia é, justamente, ajuda-los a retomar a capacidade de dialogar genuinamente. O diálogo verdadeiro é aquele onde os conflitos são discutidos, compreendidos e solucionados da melhor maneira possível para ambos. Esse é um tipo de comunicação que gera crescimento para as pessoas envolvidas e para a relação.
E porque algo que parece tão simples – conversar – torna-se algo tão complicado a ponto de ser melhor interromper e parar de tentar?
Para ajudar você a entender melhor o que pode estar bloqueando a comunicação saudável entre vocês, vou descrever agora os 5 erros mais cometidos pelos casais na hora de dialogar, que observei nos atendimentos do consultório e na vida.

1 – ACREDITAR QUE SÓ EXISTE A MINHA VERDADE E QUERER IMPOR ESTA VERDADE AO OUTRO.

Esse é um erro gravíssimo e o mais cometido na hora de dialogar! Você precisa entender que não existem verdades absolutas e que cada pessoa tem seu modo de pensar e suas próprias crenças. Portanto, jamais tente fazer valer somente seus pensamentos e verdades, permita que o outro também exponha e seja ouvido sobre o que acredita. Se você começar um diálogo sem estar aberto para escutar e ponderar sobre a verdade do outro, esqueça, infelizmente não haverá troca alguma.

diferencas-entre-o-casal-podem-ser-resolvidas-com-dialogo

2 – QUERER SOMENTE FALAR E NUNCA ESCUTAR.

Percebi que muitos casais acreditavam que dialogar significasse falar sem parar sobre aquilo que não gosta no outro. Doce engano, dialogar inclui escutar coisas que, muitas vezes, não são agradáveis a nós. Para fugir disso, algumas pessoas simplesmente não escutam ou prestam atenção à fala e argumentos do outro e ficam somente, enquanto o outro fala, se preparando para sua vez de expressar seus pontos de vista. Isso não é diálogo! Para ser considerado diálogo verdadeiro, é preciso uma escuta verdadeira.

CASAL (1)

3 – COMEÇAR UM DIÁLOGO SEMPRE CERTO DE QUE ESTÁ COM A RAZÃO.

Esse é outro erro importante que extinguirá qualquer possibilidade de comunicação. Se você já inicia uma conversa convicto de que está certo e o outro errado, simplesmente sua escuta já estará totalmente bloqueada. É preciso estar aberto a possibilidade de que você não esteja com a razão. Melhor ainda, sempre haverá sua parcela de “razão” e a parcela de “razão” do outro. Assim, abra-se para conhecer a sua parte, por meio da fala de seu companheir(a).

Relacionamento-Casal1

4 – NÃO SABER ESCUTAR E ACEITAR CRÍTICAS.

O grande problema é que os casais já iniciam o diálogo prontos para falarem do erro do outro, mas nunca prontos para aceitarem seus próprios enganos. Verdade, não é fácil ouvir e reconhecer nossas falhas, mas não da para ter um diálogo profundo e transformador se não estivermos abertos às críticas. Se você deseja realmente uma comunicação tranquila e saudável com o outro, abra-se para aceitar seus pontos de melhoria. Muitas vezes vi falhas tão simples de serem reconhecidas, tornando-se graves problemas entre o casal, justamente porque não eram aceitas e assim bloqueavam o processo de mudança e crescimento que era necessário.

7-dicas-para-o-casal-não-brigar-por-causa-de-dinheiro

5 – USAR SEMPRE TONS DE ACUSAÇÃO NA HORA DE FALAR.

Entenda que toda vez que você começa um diálogo com acusações contra o outro, já estará impossibilitando que a comunicação aconteça, pois quem é acusado, precisa preparar sua defesa e para isso, não o escutará mais. Temos que saber falar de nossos sentimentos, pensamentos e verdades sem acusar o outro. Lembre-se que para que ele aceite suas críticas, elas devem ser construtivas e jamais destrutivas. Dica: comece sempre com “EU” e nunca com “VOCÊ”.
 casal-brigando1

Por enquanto é isso! Mas ainda iremos falar muito sobre esse princípio tão profundo e fundamental que é o diálogo. Deixe seus comentários e suas perguntas sobre esse tema, assim poderei escolher melhor o assunto do próximo post.
Agora comece a praticar o diálogo entre vocês sem permitir que esses erros os atrapalhem. Não se esqueça que você só pode fazer a sua parte, portanto não me venha com aquela conversa de que o outro não faz, o outro não ajuda, o outro…
Foque em você e busque sua transformação, essa é a única que você pode realizar!
Boa sorte e bom diálogo genuíno!
 Não esqueça de deixar sua opinião, ela é muito importante para o desenvolvimento e crescimento deste blog!
Compartilhe!!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

:D :-) :( :o 8O :? 8) :lol: :x :P :oops: :cry: :evil: :twisted: :roll: :wink: :!: :?: :idea: :arrow: :| :mrgreen: